restaurar

Letra - Se Eu Fosse Teu Patrão

Chico Buarque

Eu te adivinhava E te cobiçava E, te arrematava em leilão Te ferrava a boca, morena Se eu fosse o teu patrão Aí, eu tratava Como uma escrava Aí, eu não te dava perdão Te rasgava a roupa, morena Se eu fosse o teu patrão Eu te encarcerava Te acorrentava Te atava ao pé do fogão Não te dava sopa, morena Se eu fosse o teu patrão Eu encurralava Te dominava Te violava no chão Te deixava rota, morena Se eu fosse o teu patrão Quando tu quebrava E tu desmontava E tu não prestava mais não Eu comprava outra, morena Se eu fosse o teu patrão Pois eu te pagava direito Soldo de cidadão Punha uma medalha em teu peito Se eu fosse o teu patrão O tempo passava sereno E sem reclamação Tu nem reparava, moreno Na tua maldição E tu só pegava veneno Beijando a minha mão Ódio te abrandava, moreno Ódio do teu irmão Teu filho pegava gangrena Raiva, peste e sezão Cólera na tua morena E tu não chiava não Eu te dava café pequeno E manteiga no pão Depois te afagava, moreno Como se afaga um cão Eu sempre te dava esperança D'um futuro bão Tu me idolatrava, criança Seu eu fosse o teu patrão Mas se tu cuspisse no prato Onde comeu feijão Eu fechava o teu sindicato Se eu fosse o teu patrão

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.