restaurar

Desinfetação

Maumbu

REFRÃO: Vai entendendo o que frequentemente eu ando vendo Uns dando sangue e outros sem nem suar se doendo E só sugando, imposto é pior que encosto Pago pra ter moral se um dia catarrar seu rosto Desinfetação, desinfeta... Desinfetação, então desinfeta... DiSilva Mero cidadão no seu direito de resposta Ouço eles dizerem, mas nunca vejo a proposta Da boca pra fora eles nos fazem a promessa Finjo acreditar, como finjo que a justiça é depressa O que me interessa é saber onde botam minha grana Um passarinho disse que é no bolso de bacana Papeis tão invertidos e eu tenho que me impor Justo é deputado ganhar bem menos que professor Salário mais digno a todos nossos docentes Que trabalham e ensinam todo dia e estão sempre presentes Diferente de outros que só pensam no próprio rabo Lavam dinheiro, como se lavassem a mão no lavabo E ainda querem que sejamos cavalheiros Serei com a saída imediata do Renan Calheiros A bandidagem continua ininterrupta Temos que dar um basta na política corrupta Não foi à toa vir a tona o tal do mensalão Sabemos quem é o chefe dessa imunda podridão É o "Filho do Brasil", mas a real é que um lobo Junto com os 3 porquinhos faz um país todo bobo Com a máfia impune nossa pátria vai indo pro breu A ordem e progresso foi banida por José Dirceu Uns tiram sarro, mas o assunto é mais que sério Ainda há tempo de limparmos nosso ministério Vamos à luta, e derrubar todo esse império Mais Joaquim Barbosa e menos Marcos Valério Esse é o critério, pra manter o governo limpo Quando desinfetar vamos chegar ao mais alto do olimpo E é só assim pra respirarmos novos ares Como lecionador o exemplo era o Delúbio Soares Tanta mentira que escorre por essas gorjas É impossível ver sinceridade com um bando de corjas E a sujeirada fede bem mais que um suíno Mesmo condenado virou deputado, né Genoino? Imundice escancarada e muitos acham que é um circo Botaram até um palhaço pra borrar mais um penico É tanto escândalo que eu tenho até receios Me diz qual que é o pior: Vampiros, Bingos, Correios? Senado podre, babel e cruel Ainda é um mistério o assassinato do Celso Daniel E assim vão sujando nossa bandeira Outro que não presta é o safado Ricardo Teixeira A cada dia surge uma nova denúncia Vive lá em Miami salvo pela sua renúncia Desfruta o luxo, no seu luxuoso cantinho Apoio 100% a CPI do Garotinho Ninho de cobras, que na propina ficam entorno Bando de ratos que transformam o queijo em suborno Mundo asqueroso, perdeu-se a moralidade O que prevalece hoje é a "Dança da Impunidade" Faço o que for, pela politicagem digna Contesto nos meus versos contra as pessoas malignas.

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.