restaurar

E Vamos À Luta

Emílio Santiago

Álbum: E Vamos à Luta

Eu acredito é na rapaziada Que segue em frente e segura o rojão Eu ponho fé é na fé da moçada Que não foge da fera e enfrenta o leão Eu vou à luta com essa juventude Que não corre da raia a troco de nada Eu vou no bloco dessa mocidade Que não tá na saudade e constroi a manhã desejada Aquele que sabe que é o couro da gente Que segura a batida da vida o ano inteiro Aquele que sabe i sufoco de um jogo tão duro E apesar dos pesares ainda se orgulha de ser brasileiro Aquele que sai da batalha E entra num botequim Pede uma serva gelada E agita na mesa logo uma batucada Aquele que manda um pagode E sacode a poeira suada da luta E faz a brincadeira Pois o resto é besteira (Nós estamos pelaí)

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.