restaurar

Não Me Perguntes

Adelino Moreira

Não me perguntes quem fui eu no meu passado
Se pontilharam minha vida de amargor
Se te ofertei meu coração apaixonado
Cabe a ti ver se é sincero o meu amor

Não me perguntes se no amor tive apogeu
Se fui cruel, se sofri, se fiz sofrer
Se fui cruel, teu amor me converteu
Na mais fiel e doce amante, podes crer

Eu também não perguntarei se alguém deixou
Alguma vez teu coração amargurado
Desfrutarei o que o presente me ofertou
Sem perguntar se outra existiu no teu passado

Eu também não indagarei dos teus fracassos
Devo esquecer o teu viver de outrora
Não, não interessa se algum dia outros braços
Te abraçaram como eu te abraço agora

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.