restaurar

Ainda Quero Crer

Adelino Moreira

Ainda quero crer, que ela me queira,

Ainda, sim, ainda, porque não ?

Dois anos de desejos e mil beijos,

Não são p'ra se esquecer assim, não são,

Ainda quero crer, que ela regresse,

Pois ela como a noite, é uma criança,

Por isso deixo sempre, a porta aberta,

E fico de alma inquieta,

Dando lume, a esperança,

Saudade, é crença morta,

Sua volta é ilusão,

Esperança me conforta,

Pondo em paz, meu coração,

A chama desta espera,

Maltrata, mas que importa,

Se um dia o vulto dela,

Vai transpor a nossa porta !

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.