restaurar

Tudo Em Vão

Adelino Moreira


Mulher que em vão quero encontrar
Linda como as deusas do passado
Tens as santas do divino olhar
Teus lábios são promessas de pecado

Busquei a tua sombra
Na sombra da palmeira
Batida pelo vento
Em plena solidão
Busquei o teu olhar
No brilho das estrelas
Perdidas na amplidão
Busquei as tuas mãos
Na sombra de dois lírios
Na manhã de inverno
De um coração
Busquei a tua boca
Nas pétalas de rosas
Em noites de verão
Tudo em vão
A tua boca esta em minha boca
Para humanizar minha canção

Busquei a tua sombra
Na sombra da palmeira
Batida pelo vento
Em plena solidão
Busquei o teu olhar
No brilho das estrelas
Perdidas na amplidão
Busquei as tuas mãos
Na sombra de dois lírios
Na manhã de inverno
De um coração
Busquei a tua boca
Nas pétalas de rosas
Em noites de verão
Tudo em vão
A tua boca esta em minha boca
Para humanizar minha canção


Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.