restaurar

Ultimato

Adelino Moreira

Compositor:Adelino Moreira

Eu tenho em mãos seu ultimato, Sua exigência hoje é um fato Já não transige, chega de orgia Hoje ela exige, tens que deixar a boêmia, Ou ela ou eu, vais escolher Uma de nós pra contigo viver Já decidi, amigos meus, Adeus boêmia, Adeus serenata, Violão adeus. Dizer adeus à boemia, Dói tanto que faz chorar Só mesmo um soluço de mulher Faz o boêmio se aposentar Eu voltarei aos braços dela Chorando no coração Adeus boemia, Adeus serenata, Adeus meus amigos, Adeus violão.

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.