restaurar

Circo Místico

Chico Buarque

Não, não sei se é um truque banal Se um invisível cordão sustenta a vida real Cordas de uma orquestra, sombras de um artista Palcos de um planeta e as dançarinas no grande final Chove tanta flor que sem refletir Um ardoroso espectador vira colibri Nanana... Qual não sei se é nova ilusão Se após o salto mortal existe outra encarnação Membros de um elenco, malas de um destino Partes de uma orquestra, duas meninas no imenso vagão Negro refletor, flores de organdi E o grito do homem voador ao cair em si Não sei se é vida real Um invisível cordão após o salto mortal

Todas as informações deste site são postadas inteiramente por seus usuários e seus dados podem conter erros. O Letras exime-se de qualquer responsabilidade sobre as informações publicadas. Entre em contato conosco caso haja interesse em editar ou excluir alguma informação.

É proibida a reprodução das músicas encontradas em nosso site em quaisquer outros meios, sendo permitida somente a visualização das mesmas (Lei 9610/98). Todas as letras de músicas em nosso site são divulgadas apenas para fins educacionais e são propriedade de seus autores. All lyrics in our website are provided for educational purposes only and they are property and copyright of their owners.